INÍCIO BIOGRAFIA RELEASE DISCOGRAFIA GALERIAS DIVULGAÇÃO CADASTRO AGENDA CONTATO
VELHAS ESTRADAS (Zé Alexandre) « voltar

Se alguma coisa aperta o coração
E o faz falar mais alto que a razão
Se todo o sentimento é “Mais”
Mais forte que o que vem
No rastro de uma dúvida
É quando se vai... se vai ...
Quando se vai, se vai...

Se lembra gente, há pouco tempo atrás
Mochila, liberdade, amor e paz
Perderam-se os caronas... Sim,
Mas houve quem manteve firmes
Os seus ideais...
Pois quando se vai, se vai!

Passou...
Mas é que o cheiro da poeira ficou
Talvez...
Não tenha nada novo nisso
Não importa!
Eu sei...
São tantas as canções de velhas estradas
Eu vou...
Seguindo a linha de uma estrela
Que agora cai...

Pois quando se vai, se vai!